Vaga

Advogado (Conselheiro Jurídico)

Huawei Technologies

A Huawei Technologies está a recrutar um Advogado (Conselheiro Jurídico) para Luanda, em Angola.
Funções
  • Conhecimento jurídico corporativo e comercial, capacidade de trabalhar de forma independente e dentro de uma equipa
  • Fornecer assessoria jurídica aos vários departamentos da empresa, gerenciar todos os contratos, auxiliar os membros do conselho com suporte jurídico e negócios da empresa
  • Revisar e negociar todos os acordos de confidencialidade com fornecedores e clientes
  • Identificar riscos e propor alternativas para reduzir os riscos envolvidos nas operações prevista futuro
  • Comunicar-se com os advogados externos para prestar aconselhamento jurídico sobre as questões relacionadas com as obrigações, os direitos, os riscos da empresa e privilégios a organizar
  • Auxiliar no gerenciamento da qualidade do serviço prestado por consultores jurídicos externos
  • Apoiar as questões relacionadas legalmente sobre todas as unidades de negócios
Requisitos
  • Tempo Integral, ser licenciado e com fortes conhecimento da legislação Angolana Laboral, Comercial, Fiscal, da e outras
  • Experiência profissional comprovada de 3 anos, de preferência adquirida no sector de telecomunicações
  • Domínio da Língua Inglesa e Portuguesa (Oral e Escrita) Factor Eliminatório
  • Fortes conhecimentos no ramo dos contratos, fiscais, propriedade intelectual, empresarial, de emprego e de imigração estrangeira
  • Conhecimento dos INCOTERMS e compreensão do processo de importação
Notas
  • Apenas candidatos pré-seleccionados serão contactados
  • Indique a fonte desta vaga na sua candidatura: emprego.co.ao
Como se Candidatar
1. Documentação
  • Carta de Apresentação
  • Curriculum Vitae com fotografia
2. Candidatura
Esta vaga não aceita mais candidaturas

Detalhes

  • Entidade Huawei Technologies
  • Local
  • Categoria
  • Tags
  • Publicado 24.01.2020
  • Expira 31.01.2020
  • Partilhar vaga por email
  • Reportar erro

Perguntas Frequentes

Como posso candidatar-me a vagas através do emprego.co.ao?

Ler artigo